Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Com a atualização da funcionalidade de templates de email, alguns templates salvos anteriormente podem não funcionar corretamente no novo formato do construtor de emails. Por isso, é necessário realizar alguns passos para adaptá-los ao novo modelo.

O novo editor de emails é seguro e visualmente rico. Isso quer dizer que você pode colocar o texto em negrito, itálico, adicionar campos dinâmicos e mudar as cores do texto, tudo no mesmo lugar e visualizá-lo em seu formato final diretamente na tela.

Contudo, é possível que templates antigos apresentem um código de HTML inválido quando você migrar de um formato para o outro. Se você abrir um template de email que contém um código não suportado, você é notificado com a seguinte mensagem:

Se desejar, você pode continuar a usar o código antigo (o template de email de antes da atualização), porém não é possível utilizar o editor visual, já que o código não é visualizado corretamente na tela (você o visualizará em modo de texto simples, ou plain text). Você ainda poderá editar o conteúdo, porém somente se você permanecer no editor de código.

Outra opção é converter o código velho para o código novo. Para fazer isso, basta clicar no botão Editor Visual e aguardar. Esse é um processo automático de sanitização do código HTML, em que itens que não são permitidos são automaticamente removidos.

Durante o processo de sanitização, o layout do template é atualizado para o modelo atual. Então, você pode fazer todas as alterações e adequar o template antigo à nova estrutura do editor. Lembre-se que as possibilidades aqui são muito maiores do que antes, então aproveite este momento para aprimorar o template de email.

Depois, basta clicar em Salvar e pronto, você já está com um template de email novinho e 100% compatível com o editor de emails, podendo customizá-lo ainda mais com campos dinâmicos e configurar diferentes automações.

Para mais dicas como essa, faça parte da Comunidade do Pipefy, onde você pode compartilhar suas dúvidas, dar sua opinião sobre nosso produto e interagir com outros membros.

Você também pode aprender a aproveitar ao máximo a nossa plataforma nos cursos gratuitos da Pipefy Academy.

Conteúdo relacionado:

Encontrou sua resposta?